ALERTA | HOME Office pode provocar LER/DORT, saiba mais

Diante do cenário de isolamento social , as empresas migraram alguns setores para home office, a fim de economizarem com o aluguel de espaço físico e não demitirem os colaboradores , Segundo a Especialista em Consultoria Empresarial ,Gestão de Pessoas & Empreendedorismo Sandra Sales . além da redução das despesas , o cuidado com o colaborador é muito importante, proporcionar um ambiente familiar , sem aglomerações , com baixo risco de contaminação.

Para orienta que o trabalho home office deverá ser realizado com dispositivos na altura correta para não comprometer a coluna , outra preocupação é a prevenção da LER e DORT.

A lesão por esforço repetitivo (LER), também chamada de distúrbio osteomuscular relacionado ao trabalho (DORT) é uma alteração que acontece devido as atividades profissionais que afeta especialmente as pessoas que trabalham realizando os mesmos movimentos corporais de forma repetitiva ao longo do dia.  

Isso sobrecarrega os músculos, tendões e articulações causando dor, tendinite, bursite ou alterações da coluna, o diagnóstico pode ser feito pelo médico ortopedista ou médico do trabalho com base nos sintomas e exames, como raio X ou ultrassom, de acordo com a necessidade. O tratamento pode incluir a toma de remédios, fisioterapia, cirurgia nos casos mais graves, e pode ser preciso trocar de posto de trabalho ou se aposentar mais cedo.

Alguns trabalhos que tem maiores chances de apresentar algum tipo de LER/DORT são uso excessivo do computador, lavagem manual de uma grande quantidade de roupa, passar muita roupa, limpeza manual de vidros e azulejos, polimento manual de carros, dirigir, tricotar e carregar sacolas pesadas, por exemplo. As doenças comummente encontradas são: tendinite de ombro ou punho, epicondilite, cisto sinovial, dedo em gatilho, lesão do nervo ulnar, síndrome do desfiladeiro torácico, dentre outras. 

Quais os sintomas 

Os sintomas mais comuns de uma LER/DORT incluem:

  • Dor localizada;
  • Dor que irradia ou que é generalizada;
  • Desconforto;
  • Fadiga ou sensação de peso;
  • Formigamento;
  • Dormência;
  • Diminuição da força muscular.
Como prevenir 

A melhor forma de prevenção da LER/DORT é realizar ginástica laboral diariamente, com exercícios de alongamentos e/ou fortalecimento muscular no próprio ambiente de trabalho. O mobiliário e as ferramentas de trabalho devem ser adequadas e ergonômicas, e deve ser possível a troca de tarefas ao longo do dia. 

Além disso, devem ser respeitadas as pausas, para que a pessoa tenha cerca 15-20 minutos a cada 3 horas para poupar os músculos e os tendões. Também é importante beber bastante água ao longo do dia para manter todas as estruturas bem hidratadas, o que diminui o risco de lesões. 

Por Conexaoibiapaba.com / Sandra Sales / tuasaude.com.br / Isabelle Pinheiro / Foto WordPress

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s